terça-feira, janeiro 05, 2016

Mudar is the new black


Eu sou totalmente a favor das mudanças. Mudar de pensamento a cada 1 minuto não é defeito de ninguém, tanto que nós mudamos automaticamente e consequentemente nossas ideias não são mais válidas. Eu mesma, mudo demais. Quantas vezes o blog que escrevo já passou por muitas delas? Algumas poucas pessoas que ainda me acompanham sabe que, antes mesmo de me estabilizar aqui, o nome de meu blog já foi mais de 3. Layouts uns 4, no mínimo e o que eu queria passar sempre era diferente.

O foda é que nem tudo muda de uma vez. Por exemplo:
Em uma "caixa" que tem 10 opiniões, 3 mudaram mas as 7 continuaram como antes. 
Depois, as 7 mudaram e só 1 acompanhou. 
E com uma probabilidade de ninguém entender meu raciocínio, eu tento mostrar onde eu quero chegar: quando você muda e alguém ou algo que antes você tinha uma afeto não acompanha esse processo de amadurecimento. 

A maioria das pessoas que me leem está na fase de descobrir as coisas, então todo mundo esta testando novos estilos, gostos, saindo com pessoas diferentes, é uma coisa totalmente  aceitável porque é nesta fase que podemos definir maiorias das coisas que decidiram o futuro, tendo a chance de quando chegar no futuro aquilo que você achava ser o ideal não ser mais e ter que mudar novamente. 

Isso são consequências de está vivendo. 
É uma coisa de boa, sério.

Nesse hiatos em que estive, 3 ou mais dos blogs que eu acompanhava, acabaram. Simples assim. Uma das explicações que deixaram foi: 

"Estamos aproveitando mais a vida lá fora, gostando de sair e o ********* foi aos poucos deixado de lado... "
 Outra foi um pouco mais direta e:

"Apesar de ser a minha melhor fase aqui, venho anunciar, de uma forma um tanto inesperada e brusca, que o *********** chegou ao fim."
E teve outra que nem despedida fez e quando eu fui procura-lo o que me esperava era uma mensagem automática do blogger avisando que "O blog foi removido".

Todas elas mudaram e eu não acompanhei a mudança. Só isso. Mas isso não me faz melhor ou pior que elas, eu só sou uma das 7 opiniões da caixa. 

De todas vocês que tem um blog como eu, quantas amigas suas desistiram quando estavam no começo? Esperar pra ser reconhecido, achar conteúdo para manter uma frequência e lidar com plágio e mais de 30 blogs do mesmo tema que o seu, não é fácil. Por isso, dando as devidas situações, é melhor desistir; e não estou chamando os administradores desses blogs de fracos por optarem parar por aí, eles só acharam coisas mais importantes para aquele momento. Eles mudaram. 

(In)Felizmente isso acontece.
O que nos restar é saber lidar. 
Porque mudar significa "fazer ou sofrer modificação; modificar(-se), alterar(-se) e eu sei, que você precisa disso.

10 comentários:

  1. Um ótimo texto sobre mudanças!
    A mudança mais difícil na minha opinião é a interna, aquela que a gente tem que aceitar em nós mesmos.
    Sentimentos Apurados ♥ (Vai rolar um projeto de fotografia, da uma olhada)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. estamos participando do projeto miga <33

      Excluir
  2. Oioi, como vai?
    Concordo completamente. Acho que todos nós mudamos com o passar do tempos, dos anos, e afim. E as vezes nem nos damos conta disso. Mas a vida é uma mudança constante, tanto de nossa parte, quanto da parte das pessoas ao nosso redor. Assim como você disse, temos que saber lidar com isso, e essa é a parte mais difícil...
    Acho que todos nós temos medo de mudanças (eu pelo menos morro de medo), porque infelizmente as vezes, mudar significa perder ou abrir mão de algo. E quando esse "perder" é relacionado à alguma pessoa querida, sempre dói.. E muito :/
    Se for para mudarmos, que seja sempre para melhor, e sempre por nós mesmos, e não por ninguém.

    Eu amei o texto, você escreve maravilhosamente bem. Amei ler cada palavrinha, porque a forma que você escreve é muito gostosa *-* UmBeijão

    sonho-oriental.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. mudar nunca será perder e sim transformar <3 mudanças são ótimas, depois de ter passados por tantas, sou a maior defensora muito obrigada tay <3

      xx

      Excluir
  3. Adorei seu post que belas palavras como sempre amo tudo aqui ne!!
    Fica com deus juizo no corpo e na alma,
    Um beijo da Ju Margarida.
    Ei venha me ver mais vez em to te esperando la no blog moça

    BLOG:
    http://www.politicamenteincorreta.com/
    REDES SOCIAIS:
    https://www.youtube.com/channel/UCWSAtzYMUy8ePiioUN_I8cw
    https://www.instagram.com/juliana_margarida/
    https://www.facebook.com/fazsuamoda/

    ResponderExcluir
  4. Nossa sabe quando você lê um post e se identifica completamente? Foi o que aconteceu comigo! Há um tempinho vem acontecendo isso comigo, das pessoas que eu seguia e gostava simplesmente abandonarem o blog delas e mais que isso esses tempos estava olhando o meu feeds e percebi que não me interessava pela maioria dos posts que via, e não é porque as postagens das outras pessoas são ruins e nem nada disso é simplesmente porque eu mudei e parei de querer acompanhar os assuntos que antes gostava, meus gostos mudaram e aí aconteceu aquilo que você falou das 7 opiniões na caixa... (Consegue me entender?)
    Mas mudar é bom! O que seria de nós se fossemos imutáveis né?
    Gostei muito do texto e simplesmente concordo plenamente com você!

    Beijinhos Bi
    http://janeladela.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bia, geralmente eu escrevo para mim mesma, como uma carta dizendo o que eu devo fazer com o que aconteceu na minha vida, é nessa forma que eu consigo aprender com os erros e o mais legal é quando alguém se identifica totalmente com o que eu acho, meu ponto de vista, tudo. muito obrigada <3 mesmo

      Excluir
  5. Muito bonito seu blog e como você escreve bem.
    beijúuu!
    http://juniaqueiroz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

 
Layout criado e codificado para o blog Folhas de outono | Cópia proibida © 2016